No tempo em que eu tinha nome de mãe no RG

É exatamente isso que você entendeu no título: nos meus documentos não consta o nome da minha mãe. Deixa eu fazer uma breve contextualização a seguir.
Sou filha de mãe solo. E durante toda a infância obviamente que o nome dela estava no meu registro de nascimento. Eis que a infância passou e me vi no meio de um processo de adoção – acompanhei todo o desenrolar dele, pois já estava com 10 anos de idade.
Meu pai adotivo, o papis, enviuvou quando eu contava 04 anos, 11 meses e uns dias, quase chegando nos 5. Mas, por motivos diversos ele demorou bastante a se decidir pela formalização da adoção, mesmo eu já habitando a casa desde um mês e quinze dias de nascida e ele sendo meu guardião legal.
Voltando ao momento em que a adoção se deu de fato, o juiz que conduziu o processo achou por bem (?) não incluir o nome nem da mãe adotiva nem da biológica no meu registro. Justificativa? A esposa do papis era falecida e a biológica tinha assinado um documento permitindo a adoção. Em outras palavras, ela meio que desistiu de ser minha mãe, juridicamente falando. Resultado? Uma audiência em que fui convocada para tratar das consequências de não ter nome de mãe nos meus documentos. Eu disse que por mim tudo bem. Não faria diferença mais um motivo de bullying na minha vida de nerd e gorda que usava óculos. Aaaaa se eu soubesse quantos problemas enfrentaria futuramente teria respondido o contrário.
Atualmente muitas transações que eu tento realizar são invalidadas por causa disso.

CONTA EM BANCO ESTATAL? Tem que apresentar o nome da mãe.
CARTÃO DE CRÉDITO? Tem que ter o nome da mãe.
COMPRAR CACHORRO QUENTE NA ESQUINA? Tem que ter o noMENTIRA tem não, rs.

O fato é que as burocracias tem crescido bastante e a solução vai gerar ainda mais entrave no meu cotidiano. Terei que mover um processo na vara de família para incluir o nome de uma das minhas mães nos documentos todos. Bote aí na conta ir atrás de testemunha comprovando toda a minha história de vida na casa que moro até hoje, contratar advogado e perder muuuuito tempo com isso tudo.
Quero resolver o mais rápido possível, mas não pretendo mudar meu sobrenome. Já basta ter mudado de Susyanne Soares da Luz para Susyanne Alves de Oliveira uma vez. Basta de alteração.
E para finalizar, o nome da minha mãe biológica nunca esteve mesmo no meu RG. Provavelmente nunca vai estar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s