No tempo em que eu tinha gatos

Screen Shot 02-17-16 at 01.09 PM

Aprendi foi cedo que os gatos são criaturas fofas e meigas. Não me lembro direito, mas acho que foi minha mãe que me ensinou. Ela era tão ‘gateira’ quanto eu. Talvez até mais.

Vou partilhar algumas histórias que carrego comigo. Espero alegrar um pouco os fãs de bichanos e tentar mostrar pros não-fãs que os gatinhos são legais. ❤

As lembranças mais remotas que tenho sobre a presença felina na minha vida são do Tinô. O gato era preto e branco e morreu no quintal da minha casa depois de ter sido atropelado por uma kombi.
Me contaram que eu era um tanto cruel com os gatinhos quando bem pequena e amarrava os ‘póbi’ no pé de laranja do meu quintal. Lendas… 😀
Quando ia pra casa da tia Tetê meu brinquedo preferido era um boneco maravilhoso da pantera cor de rosa. Era da minha prima Shirley. Não era um gato, mas era felino, gente. Tudo a ver. A sorte é que ela não tinha ciúme e eu quase sequestrei esse boneco várias vezes. Mentira. Eu nunca faria isso (cruzei os dedos agora).
Outra história bacana é de um gato que a mamãe tinha: o Fran. No início era ‘a Fran’ porque ele chegou tão pequenininho que não dava pra saber ainda se era A ou se era O. Cresceu mais e virou O. Era muito engraçado ver ele correndo desesperado ao ouvir mamãe chamando Fraaaaaaaaaaaaaaan. A gente caía na gargalhada.
Meu pai (o caçador de conversas oficial apesar de também gostar de gatos) ficava atentando o chane na hora da refeição. Geralmente, a comida do Fran era composta de restos de carne bovina e ele não saía de perto mesmo se ficasse satisfeito. Papai fingia que ia pegar um pedaço de carne e ele rosnava. Isso se repetia bastante até o coitado do gato abusar da gente. Meu pai, aquele zoeiro.
Gatos inclusive adoram uma zoeira. Uma vez eu tava de saída pra escola, comecei a brincar e fui DERRUBADA por um gato. Isso mesmo. Um gato e suas artimanhas me derrubaram em cima de um montinho de terra. Nada grave. Só fiquei com orgulho ferido mesmo, nada demais. :/
Um fato triste: já vi um gato meu ser assassinado. Um ciclista imbecil passou por cima do Pretiusis de propósito. O bichinho estava deitado praticamente na sarjeta, bem distante da rota normal de veículos da rua. O cara foi lá e achou que era engraçado esbagaçar um filhotinho. Ah infitético! O nome Pretiusis coloquei em homenagem ao Mussum, claro. Na época estava reprisando “Os Trapalhões” nas manhãs da Rede Globo. Bons tempos.
Já o Giba era um gato agressivo. Tive vários arranhões por insistir em interagir com ele. Minha best friend Naiara ficou até com trauma. Hoje em dia, ela superou. Ainda bem. Ele foi o último gato oficial lá de casa antes do papis ser diagnosticado com uma alergia poderosa que me impede de abrigar um bichano.
Nos últimos tempos, só adoto emocionalmente os gatos da minha sobrinha que mora do lado e também os que a mamãe criou nos últimos anos, na casa onde ela morava bem perto da nossa. Teve um que se chamava Frajola. Um gato também preto e branco que era um fiel escudeiro. Mamãe não podia ir na quitanda que ele chegava na frente escoltando. Um amor. Carinho em forma de patinhas, pelos e bigodes grandes. *-*

PAUSA PARA RESPONDER

Fonte: Site Mundo Estranho
Fonte: Site Mundo Estranho

E MAIS…

Fonte: Site da Agência de Notícias de Direitos Animais
Fonte: Site da Agência de Notícias de Direitos Animais

Agora que trabalho com Internet, os gatos estão cada vez mais presentes na minha vida. Eles são os REIS dessa bagaça. Vai dizer que você nunca viu um gatinho fofinho e comentou nhoooooom numa foto ou mesmo riu alto com as trapalhadas de um bichano num gif? Não dá pra negar que eles são adoráveis.

Fiquem agora com a pesquisa de imagens que fiz no meu IG. Me surpreendi com a quantidade de gatos por lá. Como não posso adotar um, achei que não encontraria tantas fotos. No meio de tantos gatinhos, achei um ‘doguinho’. Sim. Também, gosto de cachorros. Mas, os gatos… Ah, eles são uma doce obsessão.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s